sexta-feira, 27 de maio de 2011

O que é Maquilhagem Mineral?




Desta vez venho falar sobre Maquilhagem Mineral, embora já se ouça imenso este termo ainda existem muitas pessoas com duvidas e sem saber o que é, qual a diferença em relação à Maquilhagem Convencional e o porque de usar Maquilhagem Mineral.

Encontrei um artigo bastante interessante e como é obvio tenho de partilhar com todas voces. O artigo foi escrito por Alexandre Krizec, maquilhador e consultor de imagem.


"Elaborada através da extração dos mais puros e finos pós de origem mineral, livres de conservantes, aromatizantes e pigmentos pesados, a maquiagem mineral é naturalmente hipoalergênica e pode ser aplicada sobre peles sensíveis e oleosas. Por conter na fórmula pós finíssimos de origem mineral como: Dióxido de Titânio, Oxicloreto de Bismuto, Mica, Óxidos de Ferrro e de Zinco, etc., a pureza desses mineirais oferece maior afinidade com o Ph da pele, que confere ótima cobertura e acabamento natural.

Já usada nos EUA e Europa, agora países como o Brasil, trazem essa novidade em produtos que até então utilizavam o pó de diamante e de ouro na composição.

A diferença entre a maquiagem mineral e a convencional é basicamente a cobertura oferecida. Na maquiagem mineral não se consegue cobertura tão uniforme, ou melhor, em pigmento quanto na convencional, portanto olheiras crônicas, manchas ou marcas são melhor disfarçadas com a aplicação da maquiagem convencional. Portanto, uma não é melhor que a outra, a diferença está apenas na composição.

A aplicação da maquiagem mineral deve ser mais cuidadosa, pois basicamente todos os produtos se apresentam em formato de pó, o que pode carregar ou deixar excessos, evidenciando as linhas de expressão. Por esse motivo e por não conter filtro solar, não é muito indicado para peles maduras. Dessa forma, prefira cobertura líquida por ser mais leve e fina.


Para o controle do brilho, pode-se optar por pó facial (agora sim, é indicado o mineral!) que deverá ser aplicado apenas na zona T (testa, nariz e queixo) e lembre-se de retocar o produto sempre que houver necessidade, como por exemplo ter a pele oleosa, ondas de calor ou até mesmo para controle do brilho.

Quem optar por esse tipo de maquiagem deve investir em bons pincéis que facilitam a aplicação e conferem cobertura leve e natural.

Os produtos no formato de pó devem ser aplicados em movimentos circulares, de dentro para fora do rosto. No pescoço e colo também se aplica o pó para controle do brilho.

Antes da maquiagem é importante a preparação da pele: limpar, tonificar e hidratar diariamente proporciona benefícios e agem contra o envelhecimento.


Componentes

Dióxido de Titânio - Partícula de pigmento em pó branco – excelente poder de cobertura.

Óxido de Ferro - Partículas de pigmentos inorgânicos (amarelo, preto e vermelho) – Pela combinação das três cores é possível criar vários tons de pele.

Óxido de Zinco - Partículas de pigmento branco – Absorve a oleosidade da pele.

Mica - Mineral de origem natural – Deslizamento e aderência.

Oxicloreto de Bismuto - Partícula ultrafina de grande afinidade com a pele – Fixação da maquiagem, toque leve e textura aveludada.

Esterato de Zinco - Sais de zinco – Ótima aderência à pele.

Pó de Diamante - Partículas ultrafinas de diamante – Luminosidade e acabamento radiante."


Espero que gostem deste artigo, e que tenha sido esclarecedor para quem tem duvidas acerca da maquilhagem mineral.


Mensagem By Beauty Blogger Vânia Martins

cosmeticos

Sem comentários:

Enviar um comentário

Pesquisar Aqui